Tiago Hungria, especialista em gestão com mais de 18 anos de experiência em negócios, explica como a computação em nuvem influencia a sua gestão de TI

Uma vez que a computação em nuvem agora é de classe empresarial, não podemos mais ignorar as soluções em nuvem para TI.

Mas quais são os benefícios da cloud computing? Reduz o tempo de entrega? Simplifica as tarefas técnicas? Aumenta o risco do projeto? Altera radicalmente os processos de desenvolvimento de infraestrutura e aplicativos? Pode haver muitas perguntas e as respostas nem sempre são diretas.

Muitas empresas iniciaram a transição para nuvem, mas apenas alguns podem ser considerados usuários maduros. Na verdade, por ser uma tecnologia relativamente nova, a computação em nuvem ainda não consolidou suas melhores práticas de gerenciamento.

Dica: Como as grandes empresas gerenciam dados na nuvem?

Neste post, vamos apresentar como a computação em nuvem influencia a gestão de TI e quais os caminhos a seguir neste contexto. Confira!

O que é computação em nuvem?

A computação em nuvem é um termo geral para a entrega de serviços hospedados pela internet.

Ela permite que as empresas consumam um recurso de computação, como uma máquina virtual, armazenamento ou uma aplicação, como um serviço (Daí o nome Saas, “Software as a Service“) — assim como a eletricidade — em vez de ter que construir e manter infraestruturas de computação em casa.

Confira o vídeo para saber o que Tiago Hungria, especialista em gestão com mais de 18 anos de experiência em negócios, tem a dizer sobre esse assunto!

E se quiser saber mais, confira o artigo completo: Como a computação em nuvem influencia a sua gestão de TI?

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This